Terminais rodoviários no Piauí recebem reforma ainda este ano

Categorias: Notícias

“Essa é uma experiência nova que estamos celebrando, será um grande desafio, vamos continuar trabalhando e contamos com a competência da empresa selecionada”, disse o governador Wellington Dias durante assinatura do contrato entre o Governo do Estado e a empresa Sinart – Sociedade Nacional de Apoio Rodoviário e Turístico, vencedora da licitação para concessão das rodoviárias de Teresina (Terminal Governador Lucídio Portela), Picos (Terminal Zuza Baldoíno) e Floriano (Terminal Dr. Filadelfo Freire de Castro).

O contrato foi assinado na manhã dessa quinta (03), no palácio de Karnak com a presença do secretário de Governo e coordenador do Conselho Gestor das PPPs, Merlong Solano; da superintendente de Parcerias e Concessões, Viviane Moura, do secretário de Transportes, Guilhermano Pires, entre outros gestores.

Ainda em dezembro as primeiras ações da Sinart já poderão ser vistas nos terminais. Foi elaborado um cronograma com as providências que devem ser tomadas o mais breve, como reforma nos sanitários, recuperação do reservatório de água, recuperação de muros e grades, limpeza dos jardins, revitalização da estrutura de concreto armado, revisão de iluminação externa, entre outros.

O presidente do conselho de administração da Sinart, Eduardo Portugal Pedreira, destacou a satisfação em fazer parte do primeiro modelo de gestão do governo em Parceria com a iniciativa privada: “Estamos muito honrados em sermos o primeiro parceiro privado a prestar serviço para a população piauiense. Esperamos fazer mais parcerias em outros projetos com o Piauí”, ressaltou.

“Vamos acompanhar todo trabalho da empresa selecionada. Faremos em dezembro a primeira pesquisa de satisfação dos usuários, com relação à gestão de estado e ano que vem faremos a segunda pesquisa de satisfação e avaliação com relação a atuação do parceiro privado”, declarou a superintendente de Parcerias e Concessões, Viviane Moura.

O prazo de concessão da empresa será de 25 anos, prorrogável por 5 anos. O estado receberá a partir do terceiro ano de concessão, 2% do valor de outorga referente ao terminal rodoviário de Teresina (terminal Zuza Baldoíno) 2% para Picos (terminal governador Lucídio Portela) e 0,1% para Floriano (terminal Dr. Filadelfo Freire de Castro).

Deixe uma resposta