Merlong Solano afirma que é preciso coragem para defender o PT

Categorias: Notícias

“Nós, do PT, numa capital como Teresina, temos que ter lideranças com coragem de defender a bandeira do partido, de mostrar pra sociedade os avanços e também suas contradições, mas sobretudo, de defender o legado de um partido que fez a economia crescer, gerou emprego, distribuiu renda, tornou a nossa democracia aprofundada ao ponto das instituições estarem pela primeira vez, na história do País, fazendo o combate efetivo ao grave problema da corrupção”, afirma o petista e atual secretário estadual de Governo, Merlong Solano.

A declaração diz respeito à reunião realizada pelos diretórios estadual e municipal do Partido dos Trabalhadores, nessa segunda-feira (30), para tratar sobre as eleições de 2016. Na ocasião, Merlong Solano foi apontado como um dos mais indicados para disputar a Prefeitura de Teresina no próximo pleito, embora ele mesmo reconheça que o processo ainda está no início e que até as convenções, em junho, muito ainda deve ser discutido.

“Coloco o meu nome à disposição do partido, assim como temos importantes lideranças que podem assumir essa missão, mas é fundamental ocupar o espaço que cabe ao Partido dos Trabalhadores. O PT administra o Brasil, administra o Piauí, e não pode se acanhar por conta das dificuldades. Estamos sofrendo ataques pesados em função dos erros cometidos por alguns petistas, mas principalmente em função do programa que esse governo vem implementando desde que assumiu a presidência da república, um programa que combina aumento dos serviços públicos com melhoria de distribuição de renda, geração de empregos, e a criação de espaço efetivo para o combate à corrupção, inclusive afetando até petistas que foram pegos cometendo crimes”, frisou.

Merlong Solano é um dos fundadores do PT no Piauí, ao qual é filiado desde 1980. Graduado em Economia e História, assumiu o magistério em 1991 como professor efetivo do curso de História da Universidade Federal do Piauí. Como gestor público, foi secretário de Estado de Planejamento do Piauí entre 2003 e 2006; secretário de Estado de Governo de 2006 a 2007; diretor-presidente da Agespisa de 2007 a 2010; e secretário estadual das Cidades de 2011 a 2013. Merlong Solano assumiu mandato de deputado estadual em 2010, e de deputado federal em 2015, do qual licenciou-se para assumir o cargo de secretário de Estado de Governo.

Deixe uma resposta